Sim, o equipamento é importante na fotografia de concertos!

Read this article in English here

Sim, leste bem, ao fazer fotografia de concerto o equipamento importa!
Cameras compactas, cameras Bridge, DSLR, cameras Crop, cameras Full Frame, cameras Mirrorless full frame, lentes zoom, lente Prime, a lista continua, mas eu não vou falar sobre  cameras ou lentes, (surpreso? ) isso realmente não importa, a melhor camera ou lente são a que nós temos, nós só precisamos aprender como usá-las e como tirar o máximo proveito delas.

Então, o que é que eu estou a falar?
Eu estou a falar sobre todos os outros equipamentos que nos ajudam a fazer o trabalho e nos ajuda a tornar nosso trabalho mais fácil.
A maioria de nós pensa apenas no mais recente monstro de  megapixeis, ou na nova lente mais nítida, mas não na coisa mais importante no trabalho … o fotógrafo, e como ele, ou ela, deve ter as melhores ferramentas de trabalho para se sentir confortável e focado em fazer as fotos.
De que adianta ter o melhor equipamento se, no segundo dia de um festival de quatro dias, já nao conseguirmos trabalhar mais por estarmos muito cansados?
Decidi que era hora de criar as condições para que eu me sentisse confortável e mais no controle do meu fluxo de trabalho quando estivesse no terreno.
Eu também quero optimizar o  meu tempo, fazer o trabalho da maneira mais relaxada possível, evitar a normal correria entre os palcos e o computador e também acelerar o download das imagens e da edição.
Eu queria eliminar o stress que normalmente vivemos em situações de festivas, reduzir os riscos de perder imagens e diminuir a pressão que a equipe de media coloca nos fotógrafos para entregar imagens o mais rápido possível.
Se eu pudesse fazer todas essas coisas, os festivais seriam mais fácil, e eu poderia focar-me em fazer fotos.

Então, quais eram os problemas que eu poderia resolver, e como eu fiz isso:

Risco de perder imagens..

Uma coisa que sempre me preocupou  foi como salvaguardar todas as imagens que eu faço.
No passado, ao fotografar, normalmente usava vários cartões de memória e nunca usava cartões maiores que 32Gb.
Eu usava um cartão para cada banda; Desta forma, se eu tivesse uma falha no cartão, perderia apenas uma banda.
Mas isso criava alguns desafios. Eu precisava de muitos cartões, e isso aumentava a possibilidade de perder cartões durante as mudanças, ou eu poderia misturar os cartões  e formatar o cartão errado, eu fiz isso uma vez…
Os cartões de memória que usava nunca me pareceram muito confiáveis, não sei dizer por quê.
Para mim, ter um cartão com uma garantia vitalícia não deixava descansado porque, se o cartão “morresse”, eu perderia as imagens, e se eu perdesse as imagens por causa da falha do cartão, a última coisa que eu queria era ter mais cartões daquela marca.
É quase como ter uma garantia vitalícia em um para-quedas – “Ei, não se preocupe. Salte. Se o pára-quedas não funcionar, volte cá e nós damos-lhe um novo.

Eu precisava encontrar cartões de memória que me dessem velocidade e paz de espírito, então comecei a pesquisar. O mercado tem muitas opções, todos eles oferecem coisas diferentes. Durante a minha pesquisa encontrei os cartões ProGrade Digital.
Li tudo o que pude sobre eles e finalmente tive a oportunidade de testá-los. Depois de conhecer e conversar com as pessoas da ProGrade Digital, fiz a mudança e agora só uso os cartões e os leitores de cartões da ProGrade.
Estes cartões dão-me uma  velocidade de gravação e leitura rápida, além da confiança de que minhas imagens estão seguras – seguras o suficiente para que eu use, agora, cartões de 128 GB V90 durante todo o Festival. Estes cartões dão me segurança e a velocidade para fazer fotografia e vídeo sem preocupações.
A minha Canon 5DMkIV tem duas “slots” de cartões, pelo que posso ter uma que funcione como cópia de segurança, mas não. Uso apenas uma ranhura de cartão, é este o nivel de confiança que tenho nestes cartões.
Com os cartões e leitores ProGrade Digital, minhas velocidades de gravação/leitura aumentaram drasticamente. Eu não preciso esperar pelo buffer da camera, e posso fazer o download das imagens para o meu computador muito mais rápidamente.
Não vou falar nos números por isso já esta demasiado falado por toda a internet. O mais importante para mim é como me sinto na estrada com o equipamento.
Com os  ProGrade Digital, fiquei com um problema resolvido!

Dores nos ombros e cansaço.

Até muito recentemente eu ia para os festivais/concertos com uma Canon 5DmKIV e uma Canon 5DmKII com as correias normais. Eu passava a maior parte do tempo com os ombros sob tenção  para evitar que as cameras escorregassem e caíssem. Para festivais  que duravam três ou quatro dias, eu já ficava com dores no segundo dia. Os meus ombros simplesmente não aguentavam mais com o pese e esforço durante muito tempo.
Se eu não estiver bem fisicamente, não poderei fazer o melhor trabalho possível, tive que encontrar outra maneira de carregar o meu equipamento. Procurei várias opções, incluindo tiras de couro personalizadas e vários tipos de arnês  para cameras.
Escolhi o BlackRapid Dual Breathe Camera Harness, e isso fez toda a diferença. Agora ando com menos  tensão nos ombros. Todo o meu corpo está muito mais relaxado. Agora posso fazer um festival de três ou quatro dias sem qualquer problema.
Agora trabalho com mais conforto e menos fadiga.
O último festival que fiz foi um evento de dois dias com 28 bandas em cinco etapas. Nesses dois dias fiz mais de 21 km a pé, na ultima noite eu estava pronto para fazer mais dois dias de Festival sem qualquer problema.

Maior rapidez  de edição.

Ao trabalhar como fotógrafo oficial de um festival de música, eu tenho que fotografar tudo, não apenas os concertos, mas fazer imagens do público em frente ao palco, na área de comida, na área de diversão – em quase todos os lugares.
O promotor precisa de imagens de todos os espaços, por isso tenho que fazer imagens no palco, nos bastidores, e de todos os concertos e de todas as areas a que o publico tem acesso. No final de um festival de três ou quatro dias, terminamos com toneladas de imagens para editar.

No final de cada dia, envio um grupo de imagens para a equipe de media do festival para divulgação nas redes sociais. Preciso fazer o download das imagens para o computador, fazer uma selecção rápida e depois editar. Num festival com 28 bandas e cinco palcos, isso significa muitas imagens e muito pouco sono! Eu precisava reduzir o tempo de fluxo de trabalho com um computador novo e mais rápido.
Sou utilizador Windows, e comecei a procurar um portatil com um processador Intel i7, muita memória RAM, um HD grande, provavelmente um mix de um SSD menor e um HD maior, com um monitor capaz de  reproduzir cores o melhor possivel ,com uma placa gráfica rápida e precisava ter uma caixa robusta e pequena; não poderia ser uma caixa em plástico porque o portátil teria que suportar muita utilização e muitas deslocações.
Comecei a procurar por portáteis “Gammer”, mas a maioria dos que vi eram muito grandes e tinham caixas de plástico, o que os punha fora da lista de compras. Comecei a procurar pelas marcas tradicionais de portáteis para consumidores, mas não encontrei nenhum portátil que realmente me convencesse.
Virei a minha atenção para o novo DELL XPS15. Conversei com alguns amigos nos EUA que já tinham esse computador (na época ainda não estava disponível em Portugal), e  decidi. Comprei o DELL XPS15 9570. Este computador vem com muitas configurações diferentes. Eu optei pelo i7-8750H com 32GB de RAM, 1TB M2 SSD, Nvidia GeForce GTX 1050T1 e um touch screen IPS 4K capaz de reproduzir praticamente 100% de cores AdobeRGB.
Já o baptizei de  “A Besta” porque ele é capaz de exportar toneladas de imagens do CaptureOne rápido, mesmo muito rápido (sim eu uso o CaptureOne para fotografia de concertos).
Com o XPS15 eu passei a fazer o download das imagens dos cartões mais rapidamente (os cartões ProGrade Digital em conjunto com o leitor de workflow USB 3.1, Gen 2 ajudam). Eu posso seleccionar as melhores imagens mais rapidamente, posso editá-las e exportar muito mais rápido. Isso permite-me entregar as imagens mais cedo aos responsáveis  de media, mas também permite que eu descanse mais, já que posso concluir as tarefas muito mais rapidamente.
O XPS15 é uma fantástica ajuda para o meu fluxo de trabalho.

Entrega de imagens quase em tempo real.

Cada vez mais, me pedem para enviar imagens o mais rápido possível para que os responsáveis  de media possam publicar imagens nas redes sociais do festival. Até recentemente isso significava que eu tinha que correr para o computador, fazer o download das imagens, seleccionar , editar e enviar.
Este era um método muito cansativo, lento e que me fazia perder tempo que poderia ter sido dedicado a fotografar.
Para resolver isso, comecei a usar meu smartphone para seleccionar as imagens directamente da minha DSLR, para editar e enviar as primeiras imagens para as redes sociais. Dessa forma, agora posso enviar imagens sem sair do “pit”. No final da primeira música, os responsáveis de media já tem algumas imagens para publicar.
Podem ler sobre o fluxo de trabalho num festival de música neste artigo da DIYPhotography.
Quando esse artigo foi escrito eu utilizava um  smartphone Huawei. Agora estou a trabalhar  com um Xiaomi A2 com 6 GB de RAM e 128 GB de capacidade de armazenamento, e, em breve,vou passar a utilizar o Xiaomi Mi8 .

Conclusão.

Cameras e lentes vêm e vão; se uma camera avariar, podemos comprar uma nova, mas o fotógrafo não pode ser substituído. Para fazer um bom trabalho precisamos estar confortáveis,  precisamos estar relaxados desde o início até o final do dia. Se estivermos cansados e mal conseguirmos segurar a camera, não conseguiremos criar boas imagens, e vamos ter dificuldades para chegar a todos os lados, o que significa que podemos perder momentos importantes.
É fácil perceber a importância de criar  condições que facilitem o fluxo de trabalho ao fotografar concertos  ou qualquer outro tipo de fotografia. Planear com antecedência, visualizar onde se pode tornar o dia mais fácil e produtivo. Todas essas coisas podem ajudar a fazer um melhor trabalho e de uma forma mais relaxada.

Pin It


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

error: Content is protected !!